[Veja Também][6]

Paraíba
Santa Rita
banner image

PEGOU NA VEIA: Jackson mostrou força e incomodou; o choro é livre

 


Depois de surpreender as oligarquias na última eleição e mostrar que surgia ali uma liderança forjada e nascida do povo, legítima e genuinamente do povo, Jackson Peixoto segue fazendo estragos nos grupos oligárquicos de Cruz do Espírito Santo.


Bastou, com a força do seu nome e o seu grupo, anunciar seu apoio a Danielle Rodrigues e Mersinho Lucena, num  Balneário do Danda lotado de amigos e correligionários, para causar um verdadeiro alvoroço no grupo que se acha dono da cidade.


Um grupo que convive com a iminência de um racha a qualquer momento. É sabido na cidade que o pequeno e limitado orçamento do município não vai suportar manter, além de um secretariado de nepotistas, uma campanha de estrutura estadualizada regada a luxos e farras milionárias e intermináveis madrugadas adentro.


Além do estranhamento dos líderes, os caciques deveriam se preocupar com questões como as investigações que correm para achar os responsáveis por uma tal farra de compra de votos.


Jackson é um fenômeno social desses que surgem raramente, consolidado e entra definitivamente na história política da sua cidade e entra pela porta da frente, sem sobrenome no latifúndio, sem “ajudinha”e sem padrinhos políticos. 


Realmente, Jackson “causou”, e acendeu a luz amarela de alerta, mostrando que, além de não ter donos, os tempos de fazer farra com o dinheiro do povo de Cruz do  Espírito Santo estão com os dias contados.

Sobre Manno Costa

Jornalista e radialista. Editor executivo do portal News Paraíba, produtor e apresentador do programa News Paraíba, da Rádio 100.5 A FM líder. Cursou Comunicação Social na UFPB. Iniciou sua carreira profissional em 1999.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Digite e pressione Enter para pesquisar